Skip directly to content

Cuidados com o sol para evitar danos à saúde

Saúde e Bem Estar

Você quer aproveitar o sol, mas tem dúvidas de como proteger a pele? Apesar de o sol ser fundamental para a saúde, a exposição em excesso pode causar queimaduras, envelhecimento precoce e câncer de pele. Veja os cuidados que devemos ter com o sol ao longo da vida para evitar esses danos ao organismo.​

Os raios UVA e UVBproduzidos pelo sol representam 95% da radiação que atingem o corpo. Eles penetram profundamente na pele e, por terem efeito cumulativo, podem provocar o surgimento depintas, sardas, manchas e rugasAlém detumores benignos (não cancerosos) ou malignos como o carcinoma basocelular, o carcinoma espinocelular e o melanoma. Por isso, você deve ter alguns cuidados com a exposição ao sol, principalmente no verão: ​

  • Evite a exposição ao sol entre 10h e 16h, quando os raios são mais fortes;
  • Cubra áreas expostas com roupas apropriadas: calça e camisa de manga comprida;
  • Óculos escuros e chapéus de abas largas ajudam a proteger o rosto e o corpo;
  • Não se esqueça de manter o corpo sempre hidratado, bebendo bastante água;
  • Use sempre protetor solar com fator de proteção (FPS) 30 ou superior.


Cuidados com o sol: escolha um bom protetor solar

Entre os cuidados que devemos ter com o sol, um dos principais é a escolha do fotoprotetor ideal. O produto deve oferecer boa absorção dos raios UVA e UVB. Além disso, não pode irritar a pele e precisa ter certa resistência à água. Existem dois tipos no mercado:​

Protetores solares físicos ou inorgânicos– feitos com dióxido de titânio e óxido de zinco. Eles se depositam na camada mais superficial da pele, refletindo as radiações incidentes;

Protetores solares químicos ou orgânicos– funcionam como uma espécie de esponja dos raios, transformando-os em calor e evitando os perigos da exposição ao sol. ​

 

Diferenças entre os raios UVA e UVB

O fator de proteção solar (FPS) é outro ponto importante para evitar os efeitos do sol na pele, já que indica o nível de proteção contra os raios UVA e UVB.​

  • UVA– a intensidade varia pouco durante o dia, mas ele penetra profundamente na pele, sendo principal responsável pelo envelhecimento e pelo câncer de pele;
  • UVB- é mais intenso entre 10h e 16h, sendo principal responsável por queimaduras e vermelhidão da pele.

Apesar dos perigos da exposição ao sol, ele é essencial para a saúde. Recomenda-se ficar exposto ao sol de 15 a 20 minutos, diariamente, para obter vitamina D. Mas, nunca esqueça de seguir os cuidados indicados.

 

Referências