Skip directly to content

Chegue cedo. Fique até tarde. Mudando a Atitude Perante a Velhice

Saúde e Bem Estar

Pedimos à Marylinn Preston algumas dicas de como se sentir tranquilo, mesmo quando seu corpo está envelhecendo. Marylinn é autora do livro “All is well: the art (and science) of personal well being” – em tradução livre “Está tudo bem: a arte (e a ciência) do bem-estar pessoal” - no qual dá conselhos sobre como envelhecer de forma saudável. Além disso, ela é preparadora física e escritora de uma das colunas de fitness mais antigas dos Estados Unidos.

Por conta de sua trajetória, Marilynn Preston conhece bem a importância de se manter vibrante, se divertir e de valorizar uma vida ótima e farta, independentemente da idade.  “Comece de onde você está. Se aceite exatamente como é – velho ou jovem, gordo ou sedentário – e da perspectiva de amor e carinho, se você for paciente e persistente, seu caminho pessoal para o bem-estar será revelado”, aconselha a escritora.

Leia a entrevista que Marilynn Preston deu à versão americana da Campanha envelhecer Sem Vergonha:

Envelhecer Sem Vergonha: Você escreve para uma coluna sobre bem-estar há 40 anos. Nesse tempo, o que a tem ajudado você a continuar se sentindo bem?

Marilynn Preston: A questão da idade está na cabeça. Sim, você vai ficar velho, mas a forma com que você envelhece vai ser determinada por sua atitude. Assim que eu compreendi isso, me senti livre para ter uma vida ótima e farta, independentemente da minha idade. Minha cabeça está aberta para explorar, para aprender coisas novas e estar aberta às novas aventuras. Assumir riscos. Ser grata. Manter-se ativa. Dedicar um tempo para a família e amigos. Ajudar os outros. Essas são algumas das coisas que me fazem estar bem. E claro, de vez em quando, pedir uma porção de batatas fritas crocantes, uma boa taça de vinho, e amar, amar e amar.

Envelhecer Sem Vergonha: Quais são alguns mitos relacionados ao envelhecimento?

MP: O maior mito relacionado ao envelhecimento é a crença de que isso limita sua vida. Envelhecer pode significar ser mais ousado, aceitar novos desafios, viver a vida que sempre quis ter. Amadurecer é decidir o que você valoriza e como quer gastar o tempo que ainda lhe resta. Quando a idade avança, tem de se sentir mais livre, mais afinado com quem você é e com o que quer da vida. Se, ao invés disso, se limitar – com medo, solitário, isolado – estará sim vivenciando o mito. Nunca é tarde demais para ser criança novamente, para descobrir um propósito de vida e buscá-lo com entusiasmo.

Envelhecer Sem Vergonha: Quais erros mais comuns que as pessoas cometem quando envelhecem?  

MP: Envelhecer não é só para gente velha. Todo mundo está envelhecendo o tempo todo! Quando uma certa idade chega, é possível ver a vida ficando mais estreita, ao invés de mais ampla? Pensar assim é um erro. Apenas enxergar as limitações e esquecer de perceber a liberdade, a sabedoria, a capacidade de trabalhar de forma mais inteligente? Isso é uma oportunidade perdida de ter uma trajetória melhor. Já que a vida é basicamente uma história que se cria para contar para si mesmo, você também pode se contar a melhor história possível.

Envelhecer Sem Vergonha: Caso a gente percebe uma atitude negativa surgindo, como agir?

MP: Às vezes, eu simplesmente me ouço, me entendo. O que está acontecendo aqui? Que sentimentos são esses? Ao invés de fugir de uma sensação desagradável, eu busco apenas encará-la de frente. Outras vezes, me distraio com uma atividade que me dê prazer – uma longa e vigorosa caminhada sempre me acalma e me anima, por exemplo. Outra opção é tirar um tempo para ficar sentada quietinha, sempre mentalizando a gratidão pela vida que tenho.

Envelhecer Sem Vergonha: Quais dicas você daria para envelhecer de uma forma saudável?

MP: A atitude conta muito. Mantenha a positividade. Nunca pare de explorar, de ser curioso. Coma bem e mantenha-se ativo. Faça parte de um círculo carinhoso de familiares e amigos. Mas, preciso dizer algo muito importante: dicas de outras pessoas – não importa o quão sábias sejam – não ajudarão você mudar sua própria vida de maneira significativa. A mudança não acontece só porque alguém falou que você tem que mudar. A iniciativa tem de ser sua, ser uma expressão do seu profundo desejo de fazer uma transformação positiva em sua vida. Quando você estiver pronto, ela vai acontecer. Antes disso, eu diria: ame-se do jeito que você é. Se você conseguir fazer isto, conseguirá fazer qualquer coisa.

Texto traduzido e adaptado do website Get Old: https://www.getold.com/arrive-early-stay-late-changing-your-aging-attitude